O que é ter uma Alma de Flor?


Era uma semana corrida, daquelas de véspera de feriado que você tem que adiantar o serviço da firma, para não enlouquecer na semana seguinte. Sim, eu ainda estava no padrão "fiRma", que até confesso ter sido muito bom para mim, pelo menos por um tempo. Neste momento da minha vida já havia passado por uma série de tentativas empreendedoras a partir de ideias maravilhosas e mirabolantes, e aprendi que:

Quem acha que ser empreendedor é simplesmente libertador, está muito enganado. Só passa a ser libertador depois de instituir uma disciplina, muito planejamento e um bom tempo de maturação. Ansiedade e expectativa por resultados rápidos é a pior sensação que um empreendedor pode ter no começo desse processo, caso contrário, num piscar de olhos, você emburaca em dívidas e frustrações. Precisa de um tempo, um sossego, um trabalho que quando em chegasse em casa não precisasse mais ligar o computador e não precisasse mais pensar no marketing da semana.


Estava em paz com a minha rotina de produção para o crescimento alheio, até eu ser convidada a participar do Workshop ALMA DE FLOR no Rio de Janeiro - um workshop imersivo de três dias, sob orientação da florista Shirley Yanez do We do Botânica e outros dez palestrantes que abordariam temas variados entre arte floral, negócios, empreendedorismo, planejamento financeiro, auto cuidado, auto conhecimento e muito mais. A proposta era mergulhar de uma forma inédita no universo floral, com técnicas, vivências terapêuticas e muito conteúdo sobre auto conhecimento, desenvolvimento e empreendedorismo. Algo me dizia que não poderia perder, que algo estaria para mudar dentro de mim neste curso e decidi que iria, dois dias antes do evento começar, deixando tudo esquematizado em casa e no trabalho para que não precisasse pensar em mais nada além de viver a experiência que me esperava.


Cheguei cedo no Rio de Janeiro só então me dando conta de quanto tempo já não visitava minha cidade, desde minha mudança para Holambra. Fui direto para o local do curso, que aconteceria na antiga Fábrica Bhering, em Santo Cristo (sim, aquela de chocolates e que também fabricavam a Bala Boneco que eu tanto amava quando criança). O lugar por si só já é pra lá de interessante até por ter se tornado um complexo de galerias e estúdio de arte e lojas descoladas. Chegando lá um Café da Manhã vegano nos esperava, num ambiente super charmoso e acolhedor - em frente a Loja Botânica e Bistrô Gabo - ambos da Shirley.


Não posso negar - acho que viver em uma cidade pequena como Holambra, faz com que tenhamos um pouco de sede por pessoas, assuntos, novidades e histórias que não permeiem nossa rotina provinciana (que também não posso negar que amo - por sua segurança, tranquilidade e qualidade de vida), e só de encontrar pessoas novas e tão interessantes, antenadas, sorridentes meu coração já estava pulsando diferente.

Já no primeiro dia aconteceram várias atividades como, dinâmicas, meditações, trabalhos de empoderamento, trabalhos de criatividade (como a oficina de aquarela botânica) e técnicas florais. O curso era tão imersivo que não saíamos de lá nem para almoçar ou jantar - o que foi ainda mais maravilhoso para quem acredita, como eu, que o alimento, faz parte de mais um cuidado com a alma. Nos dois dias seguintes foi uma avalanche de emoções com muita troca de conhecimento, dúvidas e soluções, conteúdo sobre o "ser empreendedor" com um olhar real mas ainda com muito afeto, acolhimento e flor, muita flor.


O resultado desses três dias foi uma surpresa para cada um ali. Até para a a idealizadora Shirley, que entre sorrisos e lágrimas de emoção, fez com que cada um se sentisse acolhido e estimulado em sua essência. Quem achava que não daria conta de trabalhar com flor, saiu com o negócio claro na cabeça; quem achava que ia largar tudo pra começar uma carreira, percebeu que poderia unir o que já fazia ao mercado floral e deixar tudo de forma mais leve - foram várias experiências particulares, fantásticas e inspiradoras!

E eu... Bem, eu percebi que minha alma precisava mesmo de mais sorrisos, mais afeto e beleza no seu dia a dia, que na verdade, isso tudo era essencial para minha vida. Nestes três dias meu peito foi arrebatado por uma vontade pulsante de não esperar mais, não desistir mais e não sabotar mais a minha essência. Voltei decidida a desengavetar projetos que faziam parte de de sonhos antigos, como a Casa Moo.


A partir daí muita coisa mudou e Deus, Universo, Vida - seja lá de que forma prefere chamar - foi me apresentando caminhos, pessoas e ideias perfeitas para que muitos dos meus sonhos começassem a se realizar. Hoje a Casa Moo já é um espaço delicioso, onde acontecem oficinas, eventos e atividades variadas, baseados na Biofilia, no desenvolvimento pessoal, no afeto, no acolhimento, no contato humano e no poder do sorriso e da alma de cada um - e lógico que acabou rolando uma edição mágica do ALMA de FLOR por aqui. Além disso me formei florista - especializada em buquês estilo Boho; reciclei meus conhecimentos de design e marketing e ainda estou com um monte de projetos lindos em andamento, que talvez até você queira participar.

Agora pare e pense - o que é preciso acontecer para que você definitivamente abandone o que "a sociedade espera de você" para fazer o necessário para "sua alma volte a fazer parte de você". O que é preciso para que você FLORESÇA - e mostre ao mundo sua beleza e seu papel transformador. Isso é ter ALMA de FLOR.

3ª edição ALMA DE FLOR - CASA MOO HOLAMBRA - NOV 2018


#vivencias #experienciastransformadoras #flores #artefloral #almadeflor #casamooholambra

  • YouTube - Casa Moo
  • Instagram - White Circle
  • Facebook - White Circle
  • Twitter - White Circle
  • Pinterest - White Circle

 Whatsapp: (19) 9.8218-0909

oi.casamoo@gmail.com

VISITAS APENAS COM AGENDAMENTO 

Rua Acalifa, 262  - Groot - Holambra  - SP

CASA MOO STUDIO

CNPJ: 32.495.305/0001-08

© 2016 DESIGNED by DANUSA MOOJEN